Nuno Vieira de Almeida estudou em Lisboa com José Manuel Beirão e Tania Achot e, como bolseiro da Fundação Gulbenkian, em Viena com Leonid Brumberg e em Londres com Geoffrey Parsons.
Apresenta-se regularmente como pianista de Lied com os maiores cantores nacionais e grandes nomes internacionais (Gundula Janowitz, Peter Weber, Peter Jelosits, Ulla Gustafson, Gabriele Fontana, etc), em Portugal e no estrangeiro.
Participou em muitas primeiras audições portuguesas de obras de compositores como Schönberg, Webern, Wolf, Von Einen, Sckreker, Korngold, Weil, Bernstein, Britten, etc, e, em primeira audição mundial, de obras de João Madureira, Carlos Caires, Constança Capdeville, Paulo Brandão, etc.
É professor na Escola Superior de Música de Lisboa e coordenador da classe de canto. É doutorado em Musicologia Histórica pela Universidade Nova de Lisboa (2015).
A sua discografia inclui a gravação integral das obras para canto e piano de Luís de Freitas Branco e Joly Braga Santos; um duplo CD com obra para canto e piano de Fernando Lopes-Graça, com Elsa Saque; um CD com a primeira gravação de obras de Lopes-Graça, com Ana Maria Pinto e João Rodrigues; um CD com obras de Viana da Mota; a gravação de estreia mundial das Canções Húngaras e Canções Russas de Lopes-Graça, para a Naxos, com Susana Gaspar, Cátia Moreso e Fernando Guimarães.
Inaugurou o novo Fórum Luísa Todi, em Setúbal (Setembro de 2012) num recital com Elisabete Matos.
Colabora regularmente em espectáculos de teatro e cinema como intérprete e autor de bandas sonoras.
Estreou em Portugal, com Rita Blanco, o melodrama de Richard Strauss “Enoch Arden” (2022).

 
02 JUL 18h00 – Convento dos Capuchos

Canções de Lopes-Graça
Raízes 1